Na madrugada desta quinta-feira (21), auditores fiscais da Secretaria de Estado da Fazenda de Santa Catarina (SEF/SC), com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), constataram uma fraude no comércio de bebidas: a reutilização de documentos fiscais para o transporte da carga.

A ocorrência foi constatada no posto da PRF em Mafra, próximo à divisa do Estado com o Paraná, após abordagem de um caminhão carregado com vinho oriundo de empresa industrial catarinense. Solicitada a apresentação das notas fiscais e do Conhecimento de Transporte, que sempre devem acompanhar o carregamento, o motorista apresentou documentos de entrega realizada dois dias antes, e em outro veículo.

“Temos intensificado as operações fiscais em todo o Estado com o intuito de fechar cada vez mais o cerco aos sonegadores. As parcerias com as Polícias, Ministério Público e Procuradoria Geral do Estado de Santa Catarina fazem a diferença”, afirma o diretor de Administração Tributária da SEF/SC, Rogério Mello.

Para o gerente de Fiscalização da SEF/SC, Felipe Letsch, a sonegação fiscal no segmento tem considerável impacto na arrecadação. O setor teve menor menor incremento no ICMS de janeiro de 2019 comparado ao mesmo período do ano anterior.

Após a constatação da fraude, os auditores fiscais lavraram o Termo de Ocorrência e diante da gravidade do caso, registraram queixa na Delegacia de Polícia de Mafra.

Fonte: SEFAZ SC