Os contribuintes que saíram do regime do Simples Nacional e passaram para o Ordinário em 01/01/2019, e não estavam habilitados para transmissão do SPED FISCAL até o dia 20/02/2019, deverão:

1) Verificar o regime de pagamento que consta dentro da AGV -CADASTRO;

2) Em caso de erro no regime de pagamento – encaminhe a solicitação de correção pelo FALE CONOSCO com o Assunto: CADASTRO;

3) Se o regime de pagamento estiver correto e mesmo assim não conseguir enviar a EFD:

a) Verificar se está habilitado através do link: https://internet.sefaz.es.gov.br/informacoes/efd/consulta_habilitados.php

b) Caso esteja habilitado, verificar o preenchimento do registro 0000, corrigir e transmitir novamente;

c) Se não estiver habilitado para transmissão, registrar termo datado e assinado no Livro de Ocorrências, para comprovar à fiscalização que a multa por atraso é indevida;

d) Logo que possível, transmita o arquivo de EFD.

4) Casos em que a empresa estiver com o regime de pagamento correto na AGV -CADASTRO e divergente no SINTEGRA – encaminhe a solicitação de correção pelo FALE CONOSCO com o Assunto: SINTEGRA.

Ressaltamos que o FALE CONOSCO é o canal de atendimento da SEFAZ para dúvidas e solicitações.

Fonte: SEFAZ ES

 

Comente aqui:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.