A partir do próximo mês,  estudantes do Ensino Médio dos colégios da rede pública estadual poderão optar pela disciplina de Educação Fiscal. As ofertas, nomeadas pela Secretaria da Educação como “cardápio de eletivas”, foram encaminhadas para as instituições de ensino durante a transição dos anos letivos de 2019 para 2020.

Em reunião realizada ontem, 29/1, com a superintendente de Ensino Médio, Osvany da Costa, o coordenador do Programa de Educação Fiscal na Secretaria da Economia, José Humberto Corrêa de Miranda, se colocou à disposição para assessorar os professores que serão designados para assumir a disciplina.

Em 2020, a disciplina de Educação Fiscal será disponibilizada em 40 aulas anuais e, em 2021, após finalização do processo de integralização curricular, em que serão definidas competências e habilidades relacionadas à Educação Fiscal, o tema também poderá ser trabalhado em todas as disciplinas da base comum do Ensino Médio.

Fonte: SEFAZ GO

Comente aqui:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.