Operações para fiscalizar o transporte de mercadorias sem documentação fiscal, ou com documentação fiscal irregular, sem o recolhimento do imposto estadual (ICMS) são realizadas com frequência pelas equipes da Receita Estadual do Paraná, com apoio da Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar. São ações de combate à sonegação de impostos especificas na divisa do estado com Santa Catarina, bem como em outros pontos estratégicos, que estão sendo executadas pela 1ª Delegacia Regional de Curitiba.

Segundo dados da 1ª Delegacia Regional da Receita Estadual de Curitiba, desde o início do ano até o fechamento da última operação realizada na quarta-feira (08), já foram realizadas 65 operações, com 444 autos de infração lavrados, que resultaram em um total de R$ 5 milhões incluído neste valor o imposto e a multa.

OPERAÇÃO VOLANTE – Na última quarta-feira (07), ocorreu no Posto da Polícia Rodoviária Federal de Tijucas do Sul – Rodovia BR-376, a operação volante que teve como foco principal o transporte de bebidas, eletrônicos, madeiras e combustíveis e que resultou na lavratura de 10 autos de infração, num valor total de R$ 237.557,20. “A operação deflagrada nesta data tem caráter permanente, variando apenas questões de horários e pontos estratégicos, as quais deverão ser intensificadas nos próximos dias”, esclareceu o delegado Regional da Receita de Curitiba, Édson Squisati.

Fonte: Sefaz/PR

Comente aqui:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.