A arrecadação tributária da Secretaria da Fazenda (Sefaz) registrou, em abril, o maior valor para um único mês de toda a história do Espírito Santo. No total, foi arrecadado R$ 1,92 bilhão, um aumento de 39% na comparação com abril de 2021. O expressivo resultado ajudou o Estado a também registrar o melhor quadrimestre da história, chegando à arrecadação de R$ 6,76 bilhões – 27% a mais do que o primeiro quadrimestre de 2021.

Até então, a maior arrecadação tributária mensal do Estado havia sido de R$ 1,74 bilhão, em dezembro de 2021, e o melhor quadrimestre havia sido o terceiro de 2021, arrecadando o total de R$ 6,5 bilhões.

“O crescimento registrado pelo Espírito Santo foi muito superior à inflação observada entre o ano passado e agora. Isso significa que há, em todo o Estado, um crescimento real da economia capixaba. Temos registrado o aumento de empresas no comércio, indústria, geração de empregos, além da chegada de muitos empreendedores. Sempre buscando, nos limites propostos e autorizados pela legislação, melhorar as políticas tributárias para os investidores”, disse o secretário de Estado da Fazenda, Marcelo Altoé.

Dados do quadrimestre mostram um crescimento de 23% nas receitas provenientes do Comércio, totalizando R$ 1,3 bilhão; o aumento de 28% na Indústria, alcançando R$ 1,03 bilhão; e 29% na Energia Elétrica, que somou R$ 0,63 bilhão em arrecadação nos quatro primeiros meses do ano.

As alterações legislativas implementadas e a intensificação nas ações fiscais também contribuíram para esse recorde na arrecadação. Para se ter uma ideia, as ações fiscais aumentaram 42% neste primeiro quadrimestre, representando um aumento de R$ 33 milhões em relação ao mesmo período do ano passado. “Esse número mostra o quanto a Receita Estadual tem trabalhado para combater a concorrência desleal e melhorar o ambiente de negócios. Esse resultado expressivo foi fruto da ação direta dos auditores fiscais”, frisou o auditor fiscal e subsecretário de Estado da Receita, Benício Suzana Costa.

“Um dado que nos chamou atenção foi a arrecadação do IPVA, que teve crescimento de 139% no quadrimestre, chegando a 415 milhões no período. Além disso, no mês de abril, foi observado o maior montante arrecadado em um único mês para esse imposto, totalizando R$ 249,4 milhões. Muito disso, podemos creditar ao desconto de 15% ofertado pelo Governo Estadual para pagamentos em parcela única. Certamente, muitos proprietários aproveitaram esse desconto para fazer o pagamento em cota única”, comentou o auditor fiscal e gerente de Arrecadação e Cadastro da Sefaz, Thiago Duarte Venâncio.

Outros dois setores que registraram grande crescimento de arrecadação no período foram o cafeeiro e as importações de maneira geral. “O valor arrecadado com as importações cresceu 187%, chegando a R$ 178 milhões. Já o comércio de café dobrou sua arrecadação, registrando R$ 255 milhões no primeiro quadrimestre”, destacou o auditor fiscal e subgerente de Arrecadação e Estudos Econômico-Fiscais da Sefaz, Geovani do Nascimento Brum.

Fonte: Sefaz-ES

Comente aqui:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.